..:: Post de teste para novos usuários ::..

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por The Storyteller em Sab Mar 17, 2012 7:14 am


    Abaixo estara descrita uma cena entre você e um npc. Você deverá postar sua ação, reação e falas e pensamentos diante dessa cena para que a administração verifique seu estilo de post. O post deve conter no mínimo dez linhas, deverá conter estética e você deve se atentar aos erros de ortografia. O post será avaliado em 50 pontos, sendo 20 referentes a conteúdo e ortografia, 10 de estética e 20 de roleplay. De 0 a 20 pontos o usuário será considerado inapto e sua ficha nãos erá aceita, de 20 a 30 pontos vamos reconsiderar e pedir uma segunda postagem e de 30 a 50 pontos você será aprovado, lembrando que se você zerar em qualquer quesito o post será desclassificado. Segue abaixo a cena:

    Era uma noite fria, a neve descia do céu forrando as ruas e calçadas vazias com o branco.

    As árvores sem folhas estavam enfeitadas com pequenas luzes e bolas de vidro coloridas, anunciando o natal nas ruas de Whistler, aquele sentimento de fraternidade que rondava tudo naquela época do ano.

    Você está caminhando sozinho pela rua após sair da loja, praticamente expulso, com um pequeno embrulho nos braços. Havia sido um imenso sacrifício convencer o vendendor a reabrir a loja que havia acabado de fechar para que você entrasse e escolhesse o presente.

    Você culpou o voo, culpou a neve, disse que era para alguém importante e agora lá estava você com seu pequeno pacote quando uma garotinha surge em seu caminho.

    É uma criança de rua e você logo nota isso ao ver suas roupas velhas e sujas, seu rosto sujo de cinzas, provavelmente de uma fogueira que ela fez em algum lugar para se aquecer.

    Ela estende seus pequenos bracinhos em sua direção e abre um grande sorriso com seus dentinhos de leite ainda irregulares.

    - É para mim? - ela pergunta e você...

avatar
The Storyteller

Mensagens : 706
Data de inscrição : 16/03/2012

Ver perfil do usuário http://vampireknighttale.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Convidad em Seg Mar 26, 2012 5:45 pm

Spoiler:
- É para mim? - ela pergunta e você...
- Olá. Não posso, esse é o presente do meu irmão caçula. Ele não anda se sentindo tão bem ultimamente, e vim de longe pra poder lhe dar isso a e ficar um pouco mais com ele, afinal hoje é seu aniversário.- Respondo a aquela criança. Dessa forma será mais fácil para ela entender. Provavelmente ela nunca entenderia o real motivo do embrulho. Ela me lembra uma época muito distante que passei. Fome, solidão, frio, insegurança, tristeza, tipos de sentimentos que eu sentia o tempo todo após a morte de meus pais, mas ela é ainda mais nova que eu naquela época, qual deve ser sua história . Realmente, a cada dia que passa a vida o mundo fica cada vez mais feroz. Realmente aqui tá muito frio, não posso deixa-la aqui. - Acho que tive uma ideia, você viria comigo ?- Pergunto a criança e estico meus braço esquerdo em sua direção e estendo minha mão.

Nota: 40

Motivo: Não houve erros ortográficos, seguiu o conceito, porém a finalização ficou meio vaga. De qualquer forma foi aprovado

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Tachibana Yukimaro em Sex Mar 30, 2012 9:40 pm

Spoiler:
Yukimaro para, encarando com olhar sereno a pequenina que veio até ele,aquele sorriso inocente te trazia boas lembranças de sua irmã.De fato, ele comprou aquele presente para a irmã, mesmo sem saber onde a garota poderia estar, e se estaria viva.Ele faz aquilo todo ano, em sinal de respeito e para fortalecer sua determinação...Por que não?Se sua irmã estivesse ali, provavelmente faria aquilo também.

Devolve o sorriso da garota com um sorriso igualmente animado, se ajoelha para ficar um pouco mais na altura da criança, então extende a mão com o presente.

-Como você adivinhou pequenina?Uma garotinha tão boazinha como você merece não é mesmo?


Ele entrega, sem qualquer receio, o presente para a garota, não era nada de mais, não era bom com presentes, mas sabia que aquilo poderia valer algo.Só depois de entregar o pequeno embrulho, ele repara mais atentamente na roupa da garota.

-...

"Eu já passei por isso, eu já superei isso...Hoje, meu treinamento me permite viver assim ,sem sofrer, mas ela...é uma criança.."-Pensou o rapaz, de maneira triste, e um pouco revoltado,sabia o que aquela garota passava, e a noite estava fria.

-Pequena, fique com isso também, eu preciso ir para casa agora mas, cuide bem do presente viu?Fique com isso também, você é muito novinha para ficar assim nesta noite fria...

Ele sorri, levantando para ir embora, ele tira a jaqueta e o cachecol, ficando apenas com a calça e uma camisa bem leve.Ele dá para a garota o cachecol e a jaqueta, e então vai para cara, pensando em como seria bom que somente aquilo pudesse resolver algo.



Nota: 45

Motivo: Probleminhas com vírgulas demais, nada que afete, mas temos que ser jutos com todos. Aprovado
avatar
Tachibana Yukimaro

Mensagens : 9
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Kou-san em Sex Abr 06, 2012 1:20 am

Spoiler:
The Storyteller escreveu:
    Ela estende seus pequenos bracinhos em sua direção e abre um grande sorriso com seus dentinhos de leite ainda irregulares.

    - É para mim? - ela pergunta e você...


*De primeiro momento fico ali tentando compreender a situação e sua ficha cai, então continua se aproximando da garotinha até que se ajoelha próximo dela e com um riso no rosto a responde*

- Infelizmente minha pequena... este é para outra pessoa especial para mim... mas não significa que você também não possa ganhar algo...
*antes de continuar com a garota, olho em volta e não vejo mais ninguém*

- Garotinha... Onde estão seus pais!?

*ao olhar para ela novamente vejo um olhar sedento de sangue com aquele vermelho escalarte, e o que seriam seus dentes de leite agora eram pontiagudos e maiores. Com o susto e consequentemente pelo reflexo, acabo me jogando para trás... e por estar agachado caía de bunda no chão e ainda assustado* logo tentou chutar neve para cima da criança pelo seu desespero, e avançando a criança pela um dos pés e o puxa, mesmo com aquela aparência de criança era muito forte. Apoiou um dos pés na perna dela e a empurrou, ela caiu na neve para trás, gritando como se fosse um animal feroz... aproveitei para me levantar, a caixa havia caído no chão e a criança estava entre nós...*

"Não posso deixar aqui... não posso decepcioná-la..."

*ergueu as mãos em modo de combate, preparado para brigar e ficou encarando a criança que voltava a sua face cheia de carisma*

- eu quero... quero seu SANGUE

*Com a garota vindo em direção espera que ela esteja mais próxima e então desvia deixando que ela se encoste numa cerca de madeira, a garotinha era forte mas não era hábil... Correu novamente até então tentei me esquivar mas ela conseguiu me interceptar me empurrando contra a cerca e como baque forte que levou ficando pouco solta e com algumas partes quebrada.*

- EU QUERO ELE TODO PRA MIM *disse numa voz terrivelmente grotesca, e saiu correndo em direção a sua vitima

*quando bateu as costas na cerca percebeu que algo havia quebrado e estalado, esperou até que a garotinha se aproximasse o bastante, mas ela saltou ao invés de continuar correndo, foi ai que nem sequer soube explicar... bateu na madeira que estava nas costas para que caísse um pouco mais, e ao invés da garota cair sobre ele... ficou com uma enorme estava da cerca atravessando ela. Os meus batimentos eram rápidos e eu mal podia respirar sem em esforçar*

*Saiu dali e levantou com dores no corpo indo em direção de onde teria deixado cair, pegou o presente e ainda ofegante olhou em volta para ver se havia alguém próximo para pedir ajuda... e encontrou, mas não quem esperava. Olhando em volta e sendo guiados ate ali pelo cheiro de sangue que vinha de uma ferida nas costas... estava cercado, um homem com os olhos vermelhos sai do meio da multidão e diz...*

- Isso é apenas o começo...

[ by Kou-san]

Nota: 50

Motivo: Além de nenhum erro foi muito criativo, aproveitou bastante o conceito e ainda incrementou com algo a mais. Parabéns!




Mário, seu Assassino!!! Ç_Ç

BEFORE I FORGET - SLIPKNOT

My end...
It justifies my means
All I ever do is delay
My every attempt to evade
The end of the road and my end
It justifies my means
All I ever do is delay
My every attempt to evade
THE END OF THE ROAD!

I am a worm before I am a man
I was a creature before I could stand
I will remember before I forget
BEFORE I FORGET THAT!




[center]
avatar
Kou-san

Mensagens : 42
Data de inscrição : 01/04/2012
Idade : 27
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário http://to refazendo meu portifolio, mas quem quiser meu face só

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Ryutai Akira em Seg Abr 09, 2012 6:18 pm

Spoiler:
O homem conseguira comprar o presente após um grande sacrificio e logo mais foi despejado da pequena loja, que fechara suas portas pelo horário excedente, e ao sair da loja se depara com uma
criança pedinte a sua frente, estendendos os braços e lhe perguntando, se o presente que ele tinha nos braços era para ela, após seu dia de dificuldades, tendo o voô atrasado e um enorme trânsito até chegar ali, não estava mais com paciencia para ser gentil o suficiente com a menina e pensa.


Uma
criança de rua, isso é conveniente demais para o acaso... Essas crianças
devem treinar essas carinhas e rostinhos sujos, e a cara de cão-sem
dono para manipulador os trouxas que acham por ae.


Você
esta na rua pedindo presentes, quando deveria estar descansando. Bom o que
tenho aqui de qualquer modo não lhe servirá de nada.

Vendo a expressão da menina pedinte começar a baixar suas feições para um rosto tristonho, que possivelmente se tornaria em choro o homem volta a pensar, se sentindo culpado de suas palavras.

É essa criança achou um trouxa que vai ajuda-la sem motivo algum.

Colocando a mão livre ao bolso, retira algumas notas e entrega a criança.

Vá se alimentar e arranje abrigo, a noite está muito fria para ficar na rua, e se eu te ver por aqui de novo chamo o conselho tutelar, estamos entedidos?

Ao
passar pela menina, lhe bagunça os cabelos com a mão, como se
acariciace um pequeno animalzinho largado. Logo mais segue seu caminho
sem ressentimentos, e levemente estressado com o dia ruim que teve,
enquanto pragueja algumas coisas ao céu.

Nota: 35

Motivo: Estética, além disso, o post ficou um pouco confuso e com algumas gírias. Gírias em falas não tem problema, mas em ações impacta. De qualquer forma está dentro da média, portanto foi aprovado. Atente-se a postar de forma que a estética não fique deformada, uma dica é clicar naquele a/A que fica ao lado direito da janela e desabilitá-lo, assim o post não deforma quando você cola do word ou do bloco de notas.








Falas--------------


Pensamento -------------

Narratória-------------
avatar
Ryutai Akira

Mensagens : 29
Data de inscrição : 02/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Ayase em Seg Abr 09, 2012 7:47 pm

Spoiler:
A noite estava fria. Tal como sua época permanecia. O ambiente estava agradável, porém tarde. Parara por um tempo após se retirar da loja. Ainda se podia ouvir as pragas recitadas pelo dono intrigado.
Após levantar o rosto e observar os flocos de neve que eram despejados pelos céus em forma harmoniosa, Ayase fitara por um longo tempo, enquanto lembrava de tudo que havia passado até agora. Agora, sem mais motivos, voltara á andar em passos curtos e lentos. Seu desejo havia sido atingido, não mais era uma preocupação. Infelizmente, seu estado emocional mudou repentinamente ao ver uma cena nada agradável.
Era uma garotinha. Ela estava á fitando, ao mesmo tempo em que esticava seus finos e pequenos braços, que por sinal só chegavam á cintura da jovem.

“É para mim?”, Perguntou a criança. Seus breves olhos velozes á encararam de cima á baixo. Suas roupas estavam fracas para se sair na rua nesta temperatura, e sua aparência era consideravelmente...Pobre. Não se conteve em ver á si mesma nela – O que era águas passadas – Mesmo sabendo que prometerá não pensar naquilo novamente.

Com um simples e sonoro “Não”, Ayase parara de fita-lá e continuou á andar. Mais cedo ou mais tarde ela deveria aprender que a vida é mais difícil do que parece. Seja lá o que ela seja, a forma mais fácil de se adquirir experiência não é inventando situações nas quais ela não se encaixa. Dó não se habita em pessoas que já sofreram.

Nota: 50

Motivo: Simples, curto, bom, tirar uma nota máxima não é difícil. Não precisa criar grande coisa, mas algo que deixe claro a personalidade do char (que espero que se mantenha no rpg). Sem erros e co estética correta, aprovado!


avatar
Ayase

Mensagens : 28
Data de inscrição : 06/04/2012
Idade : 23
Localização : Numa casa muito engraçada ♪

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Convidad em Qua Abr 11, 2012 10:29 pm

Spoiler:
Suspendo minha sobrancelha esquerda e inspiro o frio ar noturno deixando esse clarear minha mente, estivera tão distraido ao imaginar qual seria a reação de Lucy ao ver o presente que escolhera para ela que nem ao menos havia sentido a criança humana aproximar-se de mim. O olhar inocente da garotinha me deixando instavel, sentia as vozes ficarem agitadas dentro de mim. Tinha que pensar rapido ou todo o esforço feito para a adaptação minha e de minha irmã no mundo humano seria em vão.
Sorri de forma vazia e me agachei ficando na mesma altura que a criança.
- Você terá que me desculpar, mas esse presentinho aqui é para outra pessoa importante para mim.
Claro que não esperava que aquela criaturinha entendesse meus motivos, mas não tinha como entregar o presente para ela. Não porque Lucy ficaria brava, mas pelo fato de ser algo definitivamente não recomendavel para menores de 18 anos.
A garotinha fitava-me de forma decepcionada, suspirei levantando e colocando minha mão vaga no bolso. Não pude evitar o sorriso de canto que surgiu em minha face ao achar algo nos confins do meu sobretudo.
- Oh. – Puxei minha mão retirando de meu bolso uma barra de Mars, meu vicio naquele chocolate finalmente dando frutos. – Achei o seu presente.
Estendi o doce na direção da garotinha e posso jurar que nunca vi um sorriso maior do que o que ela deu naquele momento.
Ela aceitou o chocolate e correu animada pelas ruas cobertas de neve, deixando-me ali sem palavras.
Voltei a colocar minha mão livre no bolso e parti, não querendo prolongar ainda mais a minha agonia que a ausencia de minha irmã me causava.

Nota: 50

Motivo: Post simples, com estética correta, sem erros de português, perfeitamente compreensível! Aprovado.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Kusanagi Tendou em Sex Abr 13, 2012 7:45 pm

Spoiler:
Tendou tinha conseguido entrar naquela loja por que tivera
sorte pra começar depois pela capacidade de fazer amigos foi difícil convencer
o homem a deixá-lo entrar para comprar um presente de despedida para um de seus
amigos, foi estranho ele esquecer um deles mais isso acontece.


O rapaz foi enxotado da loja, nada mais justo já que o homem
ainda fora paciente em dar tempo pra escolher o presente, logo ao sair nada
delicadamente e bater o pó do casaco que vestia viu uma menina que nunca tinha
visto antes que passava um ar de familiaridade, o rapaz sorriu de volta para
ela, sempre chamara a atenção de pessoas diferentes parecia um imã para
situações estranhas.


Tendou coçou a nuca com a mão que estava livre não queria
negar um presente a uma criança ainda mais naquela situação mais o presente não
combinava com ela e pra piorar não teria como ele comprar outro presente a
tempo. mal dia, como pode ser tão traiçoeiro o destino. pensou com pouco
entusiasmo.


Estava ainda sorrindo como um idiota por alguns segundos até
ter a idéia mais maluca do ano -Que tal você vir na minha casa hoje? eu
tenho alguns brinquedos lá e você pode comer bem no natal.
teve uma pausa e
ele por fim terminou -E depois vou ligar para umas pessoas para que você não
durma mais no frio tudo bem?.
tentou ser o mais gentil possível a situação
era tocante então que seu pai e mãe não fossem muito ásperos na bronca depois
da menina ser levada para um abrigo de menores.

Nota: 35

Motivo: Sem estética e um pouco confuso com alguns erros de gramática e alta de pontuação, mas está liberado a postar.
avatar
Kusanagi Tendou

Mensagens : 14
Data de inscrição : 12/04/2012
Idade : 29

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Katherine Gauthier em Sab Abr 14, 2012 11:10 am

Spoiler:
Presentes ...
Rua deserta, véspera de natal.

Andava com passadas largas num ritmo uniforme, ser amigável demais havia deixado sua boca até seca. Kat não gostava de impedir ou implorar por algo, era uma situação rara vê-la se humilhar, ainda mais por um embrulho, mas aquele era especial...

A neve tocava em seu rosto e em suas vestes derretiam quase que imediatamente de tão quente que seu corpo estava, sua pulsação estava acelerada devido ao estresse repentino. Quase não reparava nos enfeites de natal ou nas pessoas que comemoravam essa data tão estúpida e sem sentido. Afinal o nascimento de Jesus nem havia sido naquela época do ano, era tudo uma desculpa para trocar presentes e presentes a irritavam.

Desde que se recordava seus pais nunca haviam dado presentes a Katherine , nem mesmo em seu aniversário, só era recompensada quando merecia de fato, a menina havia crescido daquele jeito e ver as pessoas ganhando regalias por nada fazia a pobre caçadora sentir-se diminuída. Segurava o embrulho de uma maneira estranha como se o mero contato fosse o necessário para adquirir uma doença. Mas era uma situação especial , por isso estava se segurando até agora.

- É para mim?

O resto de lucidez e razão se esvaiu com a pergunta obstinada de uma criança moribunda. A vontade era de passar direto, talvez der um empurrãozinho naquele mini ser humano, mas algo fez com que Katherine parasse, talvez o tom de voz ou o olhar esperançoso.

Katherine abriu um sorriso, inclinou-se para ficar na altura da criança e também estendeu sua mão com o presente para a menina.

- Mas é Claro...

Depois de poucos segundos, o bastante para fazer a garota acreditar; o sorriso saiu do rosto de katherine, junto com a mão estendida para a garota.

- Mas é claro que não, criança estúpida.

A pequena caçadora se ergueu e soltou uma gargalhada, com se tivesse ouvido a melhor piada do dia. Analisou novamente o olhar da menininha, era visível a decepção e o sofrimento, só depois de constatar que a menina estava aborrecida que katherine sorriu de verdade , seguindo o seu caminho rumo a sua nova escola.

Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado!


avatar
Katherine Gauthier

Mensagens : 7
Data de inscrição : 06/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Convidad em Dom Abr 15, 2012 2:54 am

Spoiler:
Seu cabelo negro, perfeitamente preso em um coque, era aos poucos tomado por pequenos flocos brancos, o frio de certa forma a confortava, a neve era como ela, fria, inesperada e bela.

Sigo entre a neve cautelosamente, cuidando para não amassar o frágil embrulho quando me deparo com uma garotinha, seus olhos grandes, famintos e ansiosos após lançar-me uma pergunta.


- É para mim? - disse a garota de olhos grandes, se referindo ao embrulho em minhas mãos.

Minha garganta se fechou em surpresa, quantas pessoas a garotinha havia abordado essa noite? pelo movimento eu não era a primeira, meu rosto se contorceu em desgosto, ela estava mal vestida, fedia a lixo, ao olha-la eu sentia nojo, apertei meu olhar sobre a criança, não havia nada nela que me transmitisse empatia, apenas desprezo, ela era menor, inferior, poderia ser chamada de ser humano em tais condições? eu penso que não.

Sem perceber minha reação, a garotinha puxou a barra de meu vestido, suas pequenas mãos imundas deram dois puxões manchando o perfeito branco do vestido, sem pensar duas vezes lancei um tapa na mão da garota.


- Não me toque ! Seu bicho imundo! - reagi ferozmente contra a criança.

Após o tapa a garotinha se encolheu em pavor, um olhar apavorado como aquele certamente faria derreter os corações, mas eu sou como a neve, fria... aprendi que cada um tem o seu lugar, não teria porque eu me sentir abalada com um bicho como aquele, no momento a unica coisa que me vinha a mente era sair dali e me limpar, eu havia tocado naquele pequeno pedaço de lixo.

Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado!

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Killerjorge em Dom Abr 22, 2012 10:03 am

Spoiler:
Era uma noite fria, neve decorava as ruas de Whistler.

Yurt nessa noite estava até bem-humorado, a neve lembrava-o da sua terra natal do Alaska onde tinha passado a maioria da sua infância.

Yurt tinha conseguido comprar a prenda depois de ter convencido o vendedor a abrir a loja novamente.

Yurt não gostava de pedir favores muito mais quase implorar a alguém, mas aquele presente tinha valido a pena.

Yurt verificava o embrulho até que uma criança da rua aparece à frente dele.

Dava para ver que a criança era da rua pelas roupas velhas e sujas.

Yurt fica com um olhar de pena ao olhar para ela, ele não gostava de ver crianças a sofrer por razão nenhuma.

A criança estende os braços em direção a Yurt e pergunta com um sorriso na cara:


-É para mim?

Yurt fica com um olhar de choque durante uns segundos pela pergunta até que suspira com um sorriso na cara.

Yurt abaixasse para ficar à altura da criança.

Yurt coloca a mão esquerda em cima da cabeça da criança e com a mão direita coloca o embrulho à frente da criança.

Yurt ainda com um sorriso amigável na cara diz:


-Claro, feliz natal e ainda…

Antes de terminar a frase, Yurt, tira o casaco que tinha vestido e coloca-o nos ombros da criança para ela não apanhar com tanto frio.

Yurt levanta-se ainda sorrindo e acena de adeus para criança enquanto se ia embora para casa, sem um presente, mas sabendo que aquele presente estava num sitio melhor.

Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado! (Mais um gringo no fórum)
avatar
Killerjorge

Mensagens : 7
Data de inscrição : 16/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Yukino em Qui Abr 26, 2012 8:16 pm

Spoiler:
Chloe caminhava silenciosamente la rue admirando os enfeites de natal e levando un ou outro escorregão no gelo que havia se formado na calçada, ela segurava firme o embrulho nas mãos pour que não caísse, trazia no rosto un air de mélancolie por lembrar-se de seus pais e que naquele natal ela ficaria sozinha, a respiré fund pra não deixar que aqueles pensamentos lhe abalassem mais e deixou un petit e momentâné rire se formar na boca enquanto olhava o presente que apertava, ela deu sorte por haver encontrado um globo de neve com a miniatura de sua cidade natal.

Mais alguns passos e Chloe é parada par une pequenina figure de rosto sujo com braços e pernas fininhas, roupas rasgadas e que tremia de frio.

-Moça esse presente é pra mim- com os braços estendidos e entre um fungado e outro a criança fala para Chloe.

Ela para e ri avec la pergunta de inocent criança a por instante analisa bem toda a cena e o seguinte pensamento lhe acomete “ela n’a ninguém... ninguém qui il dê carinho et qui cuide dela, bem je sei como c’est sozinha ...vou fazer minha boa ação de natal” Choe então s’il abaissé ficando do tamanho da enfant para poder olha-la nos olhos -Esse presente eu comprei para mim, mas eu vejo que você foi uma boa criança então eu te darei ele e você me acompanhara ate minha casa- no mesmo momento a menina abriu um grande sorriso e assentiu afirmativamente com a cabeça ao receber o embrulho das mãos de Chloe.

Sont para o hotel onde Chloe estava hospedada e en arrivant a garota deu un banho quente na enfant, lhe colocou umas roupas que é claro que ficaram enormes e alimentou-a, Chloe percebeu que a menina respirava com dificuldade e que son coeur não batia regular e pensou em no dia seguinte leva-la para un hospital e lá a deixaria. Depois de a menina ter tomado banho, se alimentado e brinacdo un pouco com o presente Chloe a colocou na cama e leu para elle une historia e deixo cair de seu rosto larmes de caresses e antes que Ella percebesse son petit coração parou, ao olhar a criança morta Chloe lamentou, no entanto fora melhor dessa forma já que elle era sozinha.

Chloe envolveu o corpo sans vie da menina em um grosso coberto e saiu com ella nos braças, caminhou ate perto de un hospital e
colocou-a no chão deu un baiser na testa e disse: -Le moins je pude te dar un pouco de felicidade et vous me retribuiu avec sua companhia- deixou o globo do lado do corpinho da criança e caminhou de volta para o hotel.


Nota: 40

Motivo: Tirando as frases em francês tá tudo bem, mas como a gente sabe que você não é daqui então está perdoada!
avatar
Yukino

Mensagens : 75
Data de inscrição : 04/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Luthica em Sex Abr 27, 2012 1:16 am

Spoiler:
Natal era uma época extremamente irônica para Klaus. Famílias se reunindo para trocar sorrisos e presentes. A visão já pareceria uma grande piada se não tivesse experimentado o último feriado daqueles na companhia de Aya. Esperava que ela gostasse do presente. Mas provavelmente ela desdenharia e reclamaria da cor. Previu a discussão divertida e isso o fez sorrir levemente.

Então piscou, notando a pequena menina se aproximando com toda a simplicidade. Pôde lembrar-se daquela outra garota dos cabelos cacheados correndo alegre para capturar os flocos de neve, rindo, tropeçando e marcando um desenho de anjo com o próprio corpo no chão. A pureza de Ingrid refletida no olhar daquela pequena.

- O quê...? – Klaus piscou, saindo do transe momentâneo.

“Onde está meu presente, seu imprestável? Você queria me dar um presente porque gosta de mim?”, visualizou o drama e as bobagens que ela diria. Então teve uma ideia. Limpou a caixa com a neve, como se a analisasse.

- É um vestido grande. Era para uma pessoa feia... Mas ei, eu sei quem deve ter um presente que sirva. – A família de Aya teria uma convidada a mais para a noite de Natal. Ele quase a conduziu, mas então sua consciência falou mais alto.

Olhando para cima, pensou que talvez não seria uma boa ideia carregar uma criança consigo. Desde quando conseguia se controlar? Desde quando precisava de uma lua? Bruscamente, estendeu a caixa para a garota e a cobriu com seu casaco.

- Fique com isto enquanto eu faço um telefonema. - E saiu, mas procurando manter a pequena em seu campo de visão, para chamar sua "guarda-costas". Era uma situação patética ter que ser vigiado. Mas era melhor focar-se em outra coisa. Talvez ela viesse com um presente e fizesse um bom Natal para a menina.

[Off: escrevi um pouco a mais do que eu faria nessa situação, mas quis apresentar a vocês um pouco mais do personagem (mesmo assim tentei dosar para não deixar muito melodramático ou fora de lugar)]



Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado!

avatar
Luthica

Mensagens : 42
Data de inscrição : 24/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Phyress em Sex Abr 27, 2012 8:04 pm

Spoiler:
A tragédia que exterminou parte da sua família já havia acontecido há 10 anos... Para Aya, o natal sempre fora uma época fria e irritante que a fazia se lembrar do frio que havia sentido ao sair da mansão depois daquele ataque.

Aya ergueu um pouco o rosto e soltou um suspiro, observando a fumaca branca que saiu de sua boca quando ela fez isso. Ela olhou para o embrulho em suas mãos e fez uma expressão emburrada.

“Por que eu comprei um presente para aquele idiota? Ele é só um intrometido...” e corou um pouco, sem entender porque havia se preocupado em comprar um presente para Klaus. Vendo a garota que caminhava para se posicionar a sua frente, Aya parou subitamente e a direcionou um olhar desconfiado.

- A-ahn...? - fez uma expressão confusa enquanto observava a garota - Não, na verdade não. - respondeu - Sinto muito, garota. - e deu um passo para o lado, pronta para continuar seu caminho - ... - o olhar de Aya se tornou aborrecido e, mais uma vez, se voltou para a criança - Tá, tá. Mas eu posso te comprar alguma coisa para comer, vem. - e segurou a menina pelo braco para guiá-la a alguma lanchonete.

Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado!
avatar
Phyress

Mensagens : 26
Data de inscrição : 24/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Obs.: você entenderá melhor se ler a hist. de meu char.

Mensagem por Kuran em Dom Abr 29, 2012 9:37 pm

Este trecho poderá ser melhor compreendido se a hist. de minha char for lida! :3
Obrigada!

Spoiler:
Andava desconsolada... Toda a neve, o inverno, traziam-me memórias dele... O único homem que amei, o único que devorei. Estremeci com as recordações sombrias de meu coração, enfrentando o vento congelante, apesar de meus agasalhos por cima de meu vestido.
Hoje, em sua homenagem, eu trazia escondido em meu peito seu diamante azul, o coração do oceano. Fora seu presente de natal, há muitos anos atrás, tempo em que eu estudava Literaturas e o amava todas as noites e manhãs...

“Minha lua, hoje, quero te dar um presente de natal... "–ele dizia.
"Um presente?"–eu sorri – "Adoro presentes... Principalmente quando são seus."
"Sim, mas este é especial... Pertenceu a minha mãe. Eu o chamo: coração do oceano."

Ele retirou uma caixa de joia preta de dentro de sua bolsa e estendeu a mim. Hesitante, peguei-a e, ao abrir, deparei-me com a jóia mais linda que já vi em toda minha vida... Um colar de ouro branco grosso, com um diamante azul enorme em forma de gota como pingente.

“Meu oceano... Meu Robert... É lindo... Eu.. Nem sei.." – minhas lágrimas começaram a cair.
“Não penso em outra pessoa melhor para usar. Você é minha lua, meu mar, meu amor. E assim será por toda nossa vida, mesmo que eu morra."

Celebramos nosso natal aos beijos, abraços e amor.”


Aquele natal fora um dos mais especiais que vivi.

“Hoje, meu oceano, comprarei um presente para você.”-pensei ao avistar uma loja que começava a fechar.

Corri em direção à loja e implorei para que a abrissem para mim. Ele o fizeram, apesar da cara amarrada.
Percorrendo as prateleiras, eu me sentia feliz. Eu podia sentir o sorriso de Robert dentro de mim, até que encontrei o presente perfeito: um lindo sobretudo de inverno. Ele sempre adorou roupas longas.

“Fui humano muitos anos... Eu gosto de roupas longas e escuras... Sinto-me como um vampiro daqueles adoráveis romances que você costuma ler para mim...” –ele dizia todos os invernos.

Embrulhei o presente, quando fui surpreendida:
“Agora vá embora! Só deixei a senhorita entrar porque parecia que compraria algo caro! Agora vá! Tenho um natal a comemorar, uma esposa e uma família. Se você não tem, arranje!” – o dono da loja esbravejou.
“Querido!”-sua esposa replicou e, antes que ela começasse a discutir, eu intervi:
“Fique tranquila. Ele está certo. Sou só no mundo. Não tenho ninguém além de mim mesma e meu irmão, apesar dele morar tão longe... Aproveite todo o tempo que você tem ao lado de seu amado marido. Tome este dinheiro, fique com o troco!”- e saí correndo da loja antes que ela pudesse dizer qualquer coisa.

As palavras daquele homem descongelaram as lágrimas que tentava conter. Culpei a neve, culpei Simon, culpei minha vida inútil. Olhei aquele embrulho em minhas mãos, e disse:

“Robert... Meu oceano infinito... Como eu queria dar este presente à você..”

Assim, vaguei sem rumo pela noite, enxugando minhas lágrimas.
De repende, uma criança suja correu de braços abertos para mim. Ela estava suja de cinzas – de uma provável fogueira que ela usara para se aquecer- e desagasalhada. Meu coração palpitou.

“Onee-cham! Este presente é para mim?”- a criancinha perguntou.

Fechei meus olhos e sorri grata. Era Robert. Sabia disso.

“É sim, querido. Só não sei se comprei o tamanho certo...” – eu respondi sorrindo.

Abaixei-me, entreguei o embrulho. Ele abriu extasiado e viu o agasalho.

“Onee-cham! É uma roupa linda! Obrigado! Vou ficar parecido com um vampiro, né?”- ele disse com os olhos brilhando.

“Um vampiro? Por quê?”

“Porque é uma roupa longa... e preta!”

Eu comecei a chorar e abracei aquele menino frágil com todo meu amor. E naquela noite, jantei com o grande presente de Robert Gault, meu amante... vivo.

Nota:50 - mesmo sem estética porque foi um dos posts mais descritivos e melhores que tivemos até agora!



Spoiler:
Narração
Conversação/fala
Pensamento
avatar
Kuran

Mensagens : 43
Data de inscrição : 26/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por ZeroX em Seg Maio 14, 2012 11:32 pm

Spoiler:
Era hoje. Não podia ver a lua, mas os tremores que sentia não deixavam dúvidas: ela estava em sua fase mais brilhante. Brilhante e perigosa. Seria uma noite dolorosa para ele e muito mais dolorosa (o "muito" merece enfase) para os pobres infelizes que cruzassem seu caminho durante aquele período maldito. Aliás, maldito vendedor! Gastou seu precioso tempo para convence-lo a vender-lhe um simples bolo. Agora, era obrigado a apressar-se. Maldito vendedor!

Sua moto estava indevidamente estacionada em uma vaga especial para carros de deficientes físicos que trabalhavam em uma empresa têxtil. Era necessário alcança-la rapidamente, para poder distanciar-se o máximo possível desta pequena vila. Avançou com passos largos e rápidos pela rua deserta, deixando atrás de si um rastro de profundas pegadas na neve alva. Começou a sentir os primeiros efeitos da transformação forçada. Estava quase na hora.

???: É para mim? - ao ouvir aquela voz, assustou-se. Imaginava estar sozinho naquela rua... mas estava enganado. Virou-se em sua direção. Era apenas uma criança maltrapilha. Demorou algum tempo para compreender o que estava ocorrendo.

Alex: Não, pequena. Não é. Apenas suma e tudo ficará bem. - a menina, com seus olhos brilhantes de criança pedinchona, franziu o cenho e preparou sua melhor cara de choro. Não era possível... ela faria fiasco em plena rua, chamando a atenção de todos e dificultando a fuga do lobisomem. Malditas crianças chantagistas! - Criança de uma figa. Abra este berreiro, que parto-lhe a cara em duas. Trate de pegar este embrulho de bolo e torço para que se afogue nele ou tenha uma overdose de açúcar!

Após receber o pacote, em questão de segundos, a criança sorria e derramava uma torrente de agradecimentos. Mas não tinha mais tempo a perder. Virou-se e preparou-se para correr, mas não pode completar suas intenções, caiu ao chão. A transformação iniciou-se, e com a vinda dela, Alex, contorcia-se e gritava.

Menina: Onii-san, você está bem? - a criança aproximou-se. Alexandrer tentou gritar para ela se afastar, mas seus dentes haviam se tornado proeminentes e impediam o ato de falar. - Onii-san, não morra. Zuca devolve o bolo pra você, tá bom?

Era tarde demais para devoluções. Alexandrer havia se irritado, apressando sua transformação em lobisomem. Em poucos segundos, sua roupa começou a desaparecer e os pelos iniciaram o processo para recobrir seu corpo. A garota gritou e tentou correr. Tarde demais. Para Alex. Para Zuca. E para os habitantes daquela pequena vila. Hoje haveria dor e ranger de dentes, com direito a gritos e neve coberta de sangue. A véspera de natal seria vermelha. Caso aparecessem por ali, nem Rudolph ou o bom velhinho deixariam de virar papinha de lobisomem. Perdeu a consciência e a fera iniciou a chacina.

Nota: 50

Motivo: Sem erros de ortografia, boa estética. Aprovado! (Que do mal seu personagem)




Spoiler:
Narração
"Pensamentos"
-Falas
avatar
ZeroX

Mensagens : 22
Data de inscrição : 12/05/2012
Idade : 23
Localização : RS/Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Kamui Shirou em Qui Maio 24, 2012 5:00 pm

Spoiler:
O céu escuro naquela noite gélida era um contraste com a gentil neve que repousava nos telhados do vilarejo onde eu me encontrara. Minha pressa era óbvia, o natal estava chegando e eu não havia comprado um presente para a pessoa mais importante do mundo: eu mesmo. Após o esforço de conseguir comprar meu presente, me aparece uma pirralha asquerosa e com uma meiga voz de veludo e me vem com a piada do ano:
- É para mim?
Não consegui conter a risada, era hilariante o quão desprezível podia ser aquela mendiga de uma figa. Olhei para a garota, sorridente, que não entendia o motivo de minha risada e bem carinhosamente respondi:
- É claro...
Ela pulou de alegria quando estendi o braço com o presente na direção dela. Ela se aproximou para pegar o pacote, quando eu completei:
- ... QUE NÃO!
Com um chute na cara da pirralha eu finalizei minha sentença. Ela voou alguns metros pra trás e caiu na neve que cobria o chão.
Oras, quem ela achava que eu era pra ficar distribuindo presentes? Eu não sou o maldito Papai Noel!
Então eu continuei caminhando na direção oposta, afinal de contas, eu não queria me atrasar para celebrar o natal. O céu escuro realmente está contrastando com a neve, isso é irritante.
avatar
Kamui Shirou

Mensagens : 11
Data de inscrição : 22/05/2012
Idade : 23
Localização : Brasília

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Alyce Highwitch em Qui Maio 24, 2012 6:34 pm


Era uma noite fria, a neve descia do céu forrando as ruas e calçadas vazias com o branco.

As árvores sem folhas estavam enfeitadas com pequenas luzes e bolas de vidro coloridas, anunciando o natal nas ruas de Whistler, aquele sentimento de fraternidade que rondava tudo naquela época do ano.

Você está caminhando sozinho pela rua após sair da loja, praticamente expulso, com um pequeno embrulho nos braços. Havia sido um imenso sacrifício convencer o vendendor a reabrir a loja que havia acabado de fechar para que você entrasse e escolhesse o presente.

Você culpou o voo, culpou a neve, disse que era para alguém importante e agora lá estava você com seu pequeno pacote quando uma garotinha surge em seu caminho.

É uma criança de rua e você logo nota isso ao ver suas roupas velhas e sujas, seu rosto sujo de cinzas, provavelmente de uma fogueira que ela fez em algum lugar para se aquecer.

Ela estende seus pequenos bracinhos em sua direção e abre um grande sorriso com seus dentinhos de leite ainda irregulares.


- É para mim? - ela pergunta e você...

Alyce fou surpreendida naquela hora, não só pelo estado da menininha e por ela ter sido tão... Tão simpática naquele momento.

- Ah... Não é não, meu amor. Eu estou sem ver minha amiga à anos e eu vim visitá-la.

- Ta bom então e feliz natal para você, tia. – Diz a menina se afastando pouco a pouco de Alyce.

Alyce ficou trantornada ao ver aquela cena acontecendo bem em sua frente e pior... Em pleno natal! Então, Alyce decidiu fazer algo que deixaria a menininha feliz e ela também. Ela então gritou a menina:

- EI! MENININHA! Venha aqui eu quero falar com você!

Então a menininha andando devagarzinho em direção de Alyce.

- O que foi, tia? – Falou a menina quase chorando.

- Sabe o que é? É que essa amiga que eu vou visitar já é bem riquinha sabe e eu também depois compro uma lembrancinha para ela. Mas falando de você... Eu irei te dar esse presente de Feliz Natal e mas uma coisinha... – Diz Alyce, mexendo na bolsa.

Os olhos da menina brilhavam com o presente que havia ganhado.

- Olha! Toma aqui, isso é para você: 50,00. Para você se divertir nesse natal!

A menina já com o olho brilhando de ver o brinquedo, agarrou a nota de cinquenta reais e quando Alyce menos esperava, a menininha agarrou no pescoço dela e deu um lindo abraço.

- Obrigada Tia e feliz natal para você e sua amiga riquinha. – Diz a menina toda feliz.

- Nada amor. – Disse Alyce quase chorando.

E a menina saiu saltitando e cantando a música de natal “Jingle Bell”. E Alyce saiu com um lindo sorriso no rosto, por te agradado uma pequena menina de rua.


Alyce Highwitch tongue
avatar
Alyce Highwitch

Mensagens : 5
Data de inscrição : 22/05/2012
Idade : 22

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Arisu em Qui Maio 24, 2012 8:09 pm

Alyce, o post d teste deve ser feito em spoiler. é só por o texto dentro desta tag aki embaixo:

Código:
[spoiler][/spoiler]




Hey, you can laugh. Hey, you can cry
Hey, you can get angry. You can love me
Hey, You can kiss me. Hey, you can hould me
Hey, You can make me yours only

Conheça as crianças:
avatar
Arisu

Mensagens : 165
Data de inscrição : 19/03/2012
Idade : 27
Localização : No kokoro do Rosh ♥

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Rockflame em Seg Jun 25, 2012 5:59 pm


Ela estende seus pequenos bracinhos em sua direção e abre um grande sorriso com seus dentinhos de leite ainda irregulares.

- É para mim? - ela pergunta e você...

-Talvez...isso se você ,foi uma boa menina este ano.-disse olhando para seus cintilantes olhos, que cintilaram ainda mais ,e suas feições modificaram-se ,dando a parecer que algo mágico acontecerá ,deu alguns passos e me abraçou dizendo :
-Eu sabia que ele existia ! Sabia que Papai Noel existia !Você é um dos elfos dele não é ?!-seu abraço começou a esmagar meus órgãos,não sabia se continuava com o teatro ou dizia a pobre garotinha a verdade ,malditos olhos ,refletiam a esperança que há tempos não via,coloquei a mão sobre sua cabecinha e falei:
- Sim, como punição por ter me descoberto, você terá que ir para a ceia de natal comigo , o presente não fica com você e sim com alguém que é especial para mim ok ?-falei tentando parecer o mais realista possível,com um largo sorriso correspondido ela disse :
-Sim !-depois me deu sua mão que estava sujinha começamos ,e caminhar até minha casa.

Rockflame

Mensagens : 1
Data de inscrição : 23/06/2012
Idade : 21

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Post de teste para novos usuários ::..

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum