..:: Carpe Diem ::..

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por The Storyteller em Dom Abr 22, 2012 2:06 pm





    Descrição:

    O restaurante 9454 da cidade de whistler esta promovendo um pequeno evento para apresentar seu novo chefe. A Academia Cross foi agraciada com 2 convites para premiar a quem quiser.

    Premio:

    - Um jantar pago no Restaurante 9545 de Whistler com direito a acompanhante.

    Quem pode participar:

    Todos. o evento é aberto para todos.

    Missão:
    O restaurante da Cidade de Whistler agraciou a academia cross com 2 convites, onde será feita uma espécie de gincana, e como isso acontecerá? Haverá uma charada onde os participantes deverão descobrir o significado e buscar uma pequena caixa preta de plástico, haverão varias destas espalhadas pela academia(então não adianta tentar rastrear!), a caixa certa estará num local especifico, onde quem encontra-la receberá o convite de cortesia com direito a acompanhante e condução que levará os vencedores até o local e trarão de volta em segurança.
    P.S.: só serão validos as caixas de quem se inscreveu no evento

    Charada: “ Nas sombras de gigantes me refugio, onde os ventos vindo do norte causam temores até ao mais desbravador dos homens. Passo os dias a admirar o reflexo das nuvens sobre o tremulo manto que cobre a terra, trazendo a vida entorno de sí. Escondido entre a singela beleza natural que brotam de varias formas e cores, deleitando-me de uma esplendorosa vista.
    Entre pequenas pedras, resguardado das mudanças da lua, que se manifestam de uma forma oras singela e calma, oras agressiva e dominadora do manto da vida. “Estou ao aguardo daquele que possa conquistar os segredos que guardo.”
    Regras off:
    • Cada os jogadores que não se inscreverão não terão os posts avaliados
    • Os jogadores farão um único post descritivo sobre a busca (desde a abertura da gincana até encontrar a sua caixinha).
    • De fato haverá um local da exata localização da caixinha então caprichem na descrição
    • De duas ou mais pessoas descobrirem onde ela esta e a encontrarem, o critério de desempate será pela feita igual ao restante do fórum, ortografia estética e interpretação, o que se sair melhor levará o premio
    • Caso mesmo assim haja um empate será escolhido na sorte pelo rolador de dados!(como se fosse cara ou coroa).
    • Os convites são intransferíveis de um personagem para o outro! Mesmo que seja o mesmo jogador que os controle.
    • Tempo de duração: 2 Semanas.(ou quando todos os inscritos já houverem postado 27/04/2012 até 11/05/2012.)

    Lista de participantes:

    Icaru Thompson
    Mary Vermilion
    Raikov Iosif
    Thor
    David Gil
    Andariel Gremory
    Tohru Sohma Kuran
    José Lugano
    Tendou Kusanagi
    Sophie
    Donovan Fetcher

    Boa sorte a todo!



avatar
The Storyteller

Mensagens : 706
Data de inscrição : 16/03/2012

Ver perfil do usuário http://vampireknighttale.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por Convidad em Sab Abr 28, 2012 11:37 am

    Yumi Campbell estava brava e magoada com Icaru, também pudera, depois de tudo o que ele havia lhe dito não havia como não se magoar. Talvez fosse compreensível, afinal ele estava confuso e não queria perder a amizade da garota e fora por esse motivo que ele se inscrevera na missão: Queria ganahr os convites e chamá-la para jantar, assim poderiam conversar.

    Era óbvio que havia passado em sua cabeça que o certo seria chamar Marina e que certamente Yumi recusaria e diria que sim, ele tinha que chamar Marina, mas ele não estava em débito com sua namorada e sim com sua amiga e fora por esse motio que tomara a decisão, tinha certeza de que Marina entenderia seu gesto. Além disso, Marina dispunha de todo o tempo de Icaru, ao contrário de Yumi, então ele poderia levar a garota para jantar em qualquer outro momento, principalmente pelo fato de que ambos eram do mesmo turno, o que não acontecia com ele e Yumi, já que a caçadora era membro da Day Class.

    Icaru não compreendia seu apego por Yumi, mas fora algo natural, quase instantâneo e por isso ele fazia tanta questão em se desculpar com a garota e reatar a amizade que tanto presava. Queria ela como sua companheira nos treinos e além disso, sabia ue Yumi era um tanto solitária e ele não queria vê-la assim. Se esforçaria ao máximo para conseguir o prêmio e... se não conseguisse, com certeza ele daria um jeito de pedir comida por telefone e ir atormentá-la, mas ele pediria desculpas, de qualquer modo.

    Sim, era uma sensação incômoda pedir desculpas às pessoas a todo o momento, mas aos poucos Icaru passava a entender mais e mais como era conviver em sociedade,com humanos e com outros seres, então com o tempo ele já não teria que pedir tantas desculpas. Argumentos à parte, agora era hora de partir para a gincana.

    Com o envelope da charada em mãos ele sentou na cama e começou a ler, releu e releu algumas vezes, ponderando quais seriam os possíveis lugares para que ele pudesse encontrar a caixa correta com os tais convites. Repetiu inclusive em voz alta a charada para memorizar melhor a frase e então deixoou o envelope sobre a cama e foi se vestir.

    Uma calça jenas azul e uma camiseta preta com gole em V, o tipo de camiseta que o garoto sempre usava e um par de tênis confortável.. Pegou sua mochila onde colocou uma blusa de frio, seu cantil, sua carteira de documentos e o envelope com a charada, não percisaria de mais do que aquilo para participar do evento. Jogou uma das alças da mochila de nylon preta sobre o ombro e saiu do quarto, rumo ao local que escolhera para procurar por seu envelope.

    Deixou o prédio do dormitório para trás, sua cabeça erguida, seus olhos sobre as montanhas ao longe, no princípio da floresta. Não, ele não acreditava que a caixa estivesse na floresta porque se fosse desse modo seria perigoso para os demais alunos da Day participarem, portanto com certeza a caiinha estaria em outro lugar.

    Ele caminhou pelo caminho de cascalho, passando então pelo prédio principal, perguntando-se o que faria se Yumi recusasse, o que diria para convencê-la a ao menos acompanhá-lo, a ouvi-lo mesmo que por algumas horas. Se ela quisesse eles nem precisariam falar sobre o que havia acontecido, ele só queria poder falar com ela na verdade.

    "Eu vou convencê-la, mesmo que seja por algumas horas, eu não quero que isso acabasse assim!" - ele pensou, sentindo-se ainda mais convicto de que havia feito o certo em se inscrever na gincana.

    Mais um pouco de caminhada e ele finalmente havia alcançado seu destino: o lago da Academia Cross. Ele se aproximou das margens do local eficou ali observando calmamente, sua mente parecendo gravar cada ponto daquele local, como se admirasse um quadro pintado e realmente era, um quadro pintado pelo mesmo criador que lhe dera o sopro da vida. Ele inspirou longamente, sentindo-se mais calmo, mais em paz por estar num lugar como aquele.

    Retirou a mochila de seu ombro e abriu o zíper, apanhando mais uma vez ao envelope que continha a charada e relendo a frase, a cada frase lida ele erguia os olhos, procurando o sentido naquilo.

    O vento soprava tranquilo sobre as águas cristlinas do lago que refletiam os raios do sol em mil cores, um lugar perfeito e tranquilo como nenhum outro, uma paisagem deveras admirável, mas que poderia se tornar numa cruel armadilha caso a neve chegasse e congelasse as águas do lago, ou até mesmo uma tempestade assolasse o local, As águas seriam movidas pelo vento forte das montanhas e atrairia os raios do céu furioso tornando a cena algo um tanto quanto dantesco.

    Sim, para ele aquele era o local onde a caixa se localizava, mas aquele era um lugar muito amplo, onde a caixinha poderia estar repousando?. Guardando mais uma vez o envelope coma charada, Icaru passou a caminhar pelo lugar, seus olhos correndo atentos a tudo à sua volta, a criação de seu pai. Sorriu, sentia-se orgulhoso por um dia ter servido Yaweh, agora trilhava novamente o caminho da resignação e redenção e faria o melhor possivel. Sua lição fora duramente aprendida.

    Ao poucos, ao longo da caminhada, Icaru aproximou-se da área de entrada da floresta, circundando o lago e aproximando-se de uma aprte onde o terreno se transformava em algo mais rochoso, pedregoso.

    Sem nenhum dificuldade ele transpôs as primeiras pedras e passou a cmainhar por uma espécie de trilha, feita por um fino fio de pagua, provavelmente algo que dava origem ao lado.

    O barulho da água deslizando com suavidade sobre as pedras transmitia uma tranquilidade que qualquer um desejaria sentir, mesmo que por breves segundos.

    O ar trazia uma umidade e um calor agradável, afinal os raios de sol pouco penetravam pelas copas das grandiosas árvores, evrdadeiros gigantes que habitavam aquela floresta, Aquele era definitivamente um lugar para repouso e deleite.
    Mais aluns passos, poucos passos e Icaru visualizou algo que chamou sua atenção: um ninho entre as pedras, feitos de falhos e folhas secas, com algumas penas brancas e acinzentadas, já vazio.

    No centro do ninho havia uma pequena caixa e ou ver o objeto o anjo abriu um largo e expansivo sorriso, mas havia um porém, ele teria que atravessar o pequeno filete de agua e subir em algumas pedras para alcançar seu tão procurado item.

    Icaru retirou a mochila dos ombros e a deixou ao lado de uma árvore, saltando então de uma margem para a outra da nascente. Sabia que poderia simplesmente abrir as asas e alcançar o objeto, mas não fizera isso por dois simples motivos: primeiramente porque haviam outros na competição e ele poderia ser surpreendido por um humano e ems egundo lugar porque ele acreditava que burlar etapas doiminuiria o valor do esforço, desse modo, preferiu escalar as pedras escorregadias até alcançar o ninho que ficava pouco mais de um emtro acima da cabeça dele.

    No momento da escalada um de seus pés escorregou e ele acabou tendo que segurar numa pedra pontuda para manter-se equilibrado, ferindo desse modo sua mão, mas aquilo não tinha impotância, mesmo a dor latejando do corte não tirou seu ânimo e agora ele estava diante do ninho com a caixinha ao alcance de seus dedos.

    Apanhou o pequeno objeto mas nao o abriu. Era claro que se sentia curisoso, mas não sabia se era paraabrir ou entregar a caxinha para os organizadores. Deste modo, com todo o cudiado, desceu e saltou mais uma vez, indo apanhar entçao sua mochila.

    Ele colocou a caixinha dentro da mochila e a jogou sobre o ombro, ajoelhando ao lado da nascente e lavando sua mão ferida na água cristalina e lípida, refrescante omo nenhuma outra poderia ser.

    Depois disso, Icaru deixou o local, passando novamente pelo lago e indo para o local onde estavam os organizadores do eento, onde sua caixinha deveria ser entregue.

    Sentia-se ansioso, pensara o tempo todo em sua amiga Yumi e em vê-la sorrir novamente. Fizera por ela e independente do resultado, daria para ela um jantar, mesmo que fosse de fast food, apenas para ter a oportunidade de conversar um pouco e lhe pedir desculpas.

    Agora ele esperava pelos outros participantes e suas respectivas caixinhas para saber o resultado final.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por Tohru Sohma em Seg Abr 30, 2012 12:59 am

*Tohru custou mas conseguiu vencer a vigilância protetora de suas amigas Arashi e Aimèe e de seu amado Marshall. Indo em direção ao lago, ela pensava, enquanto se mantinha alerta, observando se não era seguida.*

"__Queria ficar a sós com Marshall num lugar bem romântico...Queria que ele me masse de novo e também ao menos uma vez provar a todos e amim mesma que posso fazer alguma coisa sozinha...Sei que é perigoso me expôr assim, mas não posso me esconder pra sempre...


*Discreta, Tohru usava o longo cabelo preso numa trança que lhe caía até o meio das costas e um moleton leve de ginástica na cor verde-musgo com um par de tênis pretos,roupa que lhe permitia liberdade de movimentos e podia se confundir com a folhagem, pois sabia que teria que ir à floresta próxima ao lago e possivelmente escalar.*


" Nas sombras de gigantes me refugio, onde os ventos vindo do norte causam temores até ao mais desbravador dos homens. Passo os dias a admirar o reflexo das nuvens sobre o tremulo manto que cobre a terra, trazendo a vida entorno de sí. Escondido entre a singela beleza natural que brotam de varias formas e cores, deleitando-me de uma esplendorosa vista. .."

* a menina recordava a charada, chegando finalmente a espelho dágua, erguendo então o olhar e sentindo a brisa fria que por vezes encrespava as águas mansas. Passarinhos e outras pequenas criaturas vieram saudá-la e Tohru sorriu.*

__Não posso pedir ajuda a vocês hoje, amiguinhos...Não seria certo...


*Olhou pra entrada da floresta e viu um outro aluno escalando uma rocha.Seria outro participante. Achava que o conhecia, mas não era um vampiro...*

__ Bem, desejo sorte a ele também..Afinal, deve haver alguém especial que ele quer agradar...Assim, como eu...*a jovem suspirou e foi para uma outra direção na floreta, deixando seu instinto guiá-la até um pequena gruta, na verdade parecia mais uma toca de toupeira, no fundo de um pequeno barranco.*

"...Entre pequenas pedras, resguardado das mudanças da lua, que se manifestam de uma forma oras singela e calma, oras agressiva e dominadora do manto da vida. “Estou ao aguardo daquele que possa conquistar os segredos que guardo.”[/i] *repetiu o restante em pensamento.*

Essa charada é bonita...[/i*Tohru pensou olhando de cima, estudando a melhor maneira de descer aquele declive escorregadio sem se machucar. Não queria atrair outros vampiros com o cheiro do seu sangue e nem que Marshall a achasse agora.Ainda não.*[i]__Mas parece um epitáfio...Só espero que não se torne o meu...

*Estremeceu, mas sacudindo pra longe os maus pensamentos, resolveu escorregar em umas folhas secas que se encontravam na parte mais suave. Poderia subir por algumas raízes que a terra deixava á mostra, mas agora estava com pressa e não queria também ficar saltando.Era boa nisso e não seria justo se alguém da Day Class também estivesse competindo.*

* Chegando lá, olhou curiosa o pequeno buraco na terra cercado de pedras, terra e galhos de árvore.Não sentindo nada ameaçador ali, colocou a mão e sentou que eramais largo lá dentro, enfiando mais o braço com cuidado até pegar alguma coisa que parecia um cubo, uma caixinha!*

*Puxando a mão para fora, segurando o pequeno objeto, sorriu para si mesma.Encontrara, mas e agora?*

*Melhor procurar os organizadores no local combinado e perguntar. Será que aquele menino encontrou a dele?Espero que sim!"*Pensou ingenuamente. Sabia que só haviam 2 convites, mas não achava egoísmo só pensar na alegria dela.*

*Com facilidade, sorriu pelas raízes expostas de uma figueiras próximas e limpando a terra e as folhas secas de sua roupa, seguiu com a caixinha para o ponto de encontro.Lá viu um rapaz ruivo que parecia também aguardar. Sorriu pra ele e cumprimentou-o*

__Olá. Parece que teve sorte também, nee? Acho que já o vi antes..*olhou bem tentando lembrar.*__ Por acaso estudou na Cross de Paris? ah, desculpe não me apresentar.Sou Tohru Kuran. Fez uma breve reverência oriental e aguardou sorrindo, amistosa.*



By tohrusohma at 2011-04-23
avatar
Tohru Sohma

Mensagens : 100
Data de inscrição : 18/03/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por Kusanagi Tendou em Seg Abr 30, 2012 3:41 pm

Tendou após receber aquela charada ficou parado tentado decifrar aquilo nunca fora a sua praia o negocio dele sempre foi esportes, logo sentou em uma cadeira por que já se cansava de ficar em pé, por fim cansou de tentar entender e começou a andar estava do lado de fora da escola então ia caminhando aleatoriamente enquanto pensava. Que charadinha sem vergonha eu bem que gostaria de ganhar esse convite mais eu nem teria alguém pra ir comigo.

Por alguns instantes ele resolveu algo perguntou para um dos alunos que estavam mais perto onde ficaria o lago, logo depois estava correndo na direção do mesmo, lá deveria ser um lugar onde poucos procurariam e alem de arvores tinha vários lugares onde esconder uma caixinha, só queria não ter que entrar na água tomado pelo desespero caso não acha se nas arvores ou entre as raízes e pedras no chão.

Procurou bastante ali nas margens do lago até ir para as árvores caminhou em volta de uma que bom poderia ter ali uns quinze tendou's e eles não conseguiriam a abraçar, seria essa a que ele ia procurar, e para sua surpresa depois de se sujar na terra ele achou algo que não combinava com o cenário, era uma das caixas do evento.

Tendou começou a voltar depois de tirar um pouco de terra da roupa olhou novamente para a floresta que já não era um terreno muito amigável e sorriu não por estar longe da escola mais sim por já começar a estar ousado novamente.
avatar
Kusanagi Tendou

Mensagens : 14
Data de inscrição : 12/04/2012
Idade : 29

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por Makie em Qua Maio 16, 2012 2:25 pm

Nicole Se encontrava no Pátio da academia, para ter certeza que ninguém trapacearia, recolheu as caixinhas restantes do concurso e as guardou em separado no armário do zelador, havia reunido os participantes no pátio para entregar ao vencedor os convites que havia direito.

Os saltos se chocavam contra o piso de maneira silenciosa, até que a mesma se encontrava frente aos alunos, com o tablete e um envelope com os convites em mão, deu a ordem para que todos abrissem suas caixinhas, e apenas 1 teria uma resposta diferente dos demais

”boa sorte na próxima vez, mas vejo que não compreendeste direito a charada”
”espero que a pessoa escolhida para lhe acompanhar seja especial, parabéns ganhaste o grande premio”

Dentre todos os alunos presentes apenas a jovem Kuran havia acertado o paradeiro da caixinha, Nicole deu um sorriso de lado, pareceria até comprado, se não houvesse sido a própria que escondera, ninguém sabia o paradeiro exceto ela, já tinha em mente quem levaria para jantar, e quem sabe, isso não seria de fato uma boa coisa?.

- parabéns senhorita, aqui está seu envelope com os convites, confirme a que horas irá para o restaurante que proporcionaremos um veiculo para sua locomoção, o restante estão dispensados, mais sorte na próxima.


Vencedora do concurso Tohru Kuran!



avatar
Makie

Mensagens : 162
Data de inscrição : 16/03/2012
Idade : 28
Localização : Em algum lugar,Em lugar Algum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ..:: Carpe Diem ::..

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum